PME Crescimento

Objetivo:

A PME Crescimento 2015 tem como objetivo apoiar o investimento novo em ativos fixos corpóreos ou incorpóreos e o reforço do fundo de maneio das PME nacionais.

A quem se destina:

Micro, Pequenas e Médias Empresas, certificadas por Declaração Eletrónica do IAPMEI válida ou Grandes Empresas (sem certificação do IAPMEI)

Condições Específicas:

  • Linha Específica "Micro e Pequenas Empresas"300 milhões de euros;
  • Linha Específica "Fundo de Maneio e Investimento": 800 milhões de euros., com duas dotações. Uma "Dotação Médio Prazo" no valor de 400 milhões de euros e uma "Dotação Longo Prazo" no valor de 400 milhões de euros.
  • Linha Especifica "Empresas de Elevado Crescimento"100 milhões de euros;
  • Linha Especifica "Crédito Comercial a Exportadoras"200 milhões de euros;

Despesas Elegíveis:

  • Operações destinadas a investimento novo em ativos fixos corpóreos ou incorpóreos (a realizar no prazo de 6 meses após a data da contratação), ou ao reforço do fundo de maneio ou dos capitais permanentes;
  • Excecionalmente, até 30% da operação poderá ser utilizada para liquidar dívidas contraídas junto do sistema financeiro nos 3 meses anteriores à data da sua contratação destinadas, exclusivamente, à regularização de dívidas em atraso à Administração Fiscal e Segurança Social.

Incentivo:

As operações de crédito a celebrar no âmbito da presente Linha beneficiam de uma garantia autónoma à primeira solicitação prestada pelas SGM, destinada a garantir:

  • Até 70% do capital em dívida em cada momento do tempo nas Linhas Especificas "Micro e Pequenas Empresas", e "Empresas de Elevado Crescimento" e "Dotação Longo Prazo" da Linha "Fundo de Maneio e Investimento"
  • Até 60% do limite disponibilizado em cada momento do tempo na Linha Específica "Crédito Comercial a Exportadoras"
  • Até 50% do capital em dívida em cada momento do tempo na "Dotação Médio Prazo" da Linha "Fundo de Maneio e Investimento"